JANEIRO ROXO: Hanseníase ataca todas as classes sociais, afirma dermatologista

5
A dermatologista Ana Paula Vitti falou sobre a campanha Janeiro Roxo, que trata da conscientização sobre a hanseníase / Foto: Divulgação /

Manchas na pele, sejam elas claras ou escuras, devem ser encaradas com muita seriedade, porque pode não ser nada, assim como pode significar que a pessoa esteja com câncer de pele ou hanseníase, principalmente se elas vierem acompanhadas da falta de sensibilidade nesses locais.

A hanseníase é uma doença infecciosa e contagiosa, mais antiga da humanidade, citada em diversos livros do Velho Testamento da Bíblia, causada pela Mycobacterium leprae, que afeta preferencialmente os nervos periféricos (braços e pernas), olhos e a pele.

A campanha Janeiro Roxo trata da conscientização sobre a hanseníase. Esse é o tema da entrevista que a dermatologista Ana Paula Vitti concedeu nesta segunda-feira, 11 de janeiro, ao programa Pauta do Dia, apresentado pelo jornalista Wirismar Ramos, na Web Rádio Opinativa (opinativa.net).

Veja o vídeo:

WIRISMAR RAMOS – da Redação (e-mail: opinativa.net@gmail.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA