É LEI EM BOA VISTA: Mulheres têm direito a acompanhante de confiança em consultas ginecológicas

O autor da proposta é o vereador Ítalo Otávio / Foto: Divulgação /

Foi promulgada pela Câmara Municipal de Boa Vista a lei 2.382 em que os hospitais, clínicas e consultórios públicos e particulares são obrigados a permitir que a paciente seja acompanhada por uma pessoa de confiança nos mais diversos procedimentos ginecológicos.

O autor da proposta é o vereador Ítalo Otávio (Republicanos), ele explica que a lei garante tranquilidade para a paciente e estabelece confiança com o médico.

“Diante de casos de grande repercussão nacional sobre crimes de violência obstétrica e ginecológica, apresentei essa iniciativa de prevenção e que teve aprovação do público feminino. A lei não interfere na atuação do médico ou fere qualquer outro direito, mas resguarda a opção de um acompanhante em unidades de saúde à pacientes”, explica o autor.

A paciente pode optar por entrar sem acompanhante, mas aquela que decidir pela presença de alguém de confiança, pode também solicitar uma profissional de enfermagem no local, mesmo que não haja sedação. Os gestores dessas unidades devem ser responsáveis pelo quadro de pessoal disponível para esse atendimento.

IURY CARVALHO
Categoria:Política

Deixe seu Comentário