ACESSIBILIDADE: Governo investe R$ 158,5 milhões em recuperação de mais de 3 mil quilômetros de vicinais

4
Até novembro deste ano foram recuperados 1.312 km e outros 1.178 km estão em execução / Foto: Charles Bispo /

Para facilitar o acesso às regiões produtivas e a locomoção da população que vive nos municípios do interior, o Governo de Roraima já investiu R$ 158,5 milhões na recuperação de mais de 3 mil quilômetros de vicinais em todo Estado. Até novembro deste ano foram recuperados 1.312 km e outros 1.178 km estão em execução. A previsão é que até o início de 2021 a Seinf (Secretaria de Infraestrutura) inicie mais 668 km, totalizando 3.158 km.

A maior parte dos recursos é oriunda do tesouro estadual – recursos prórpios do Estado -, e outra parte da Cide (Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico). Ao todo, 199 estradas são atendidas. Destas 90 já tiveram o serviço concluído, 49 estão em execução e outras 60 estão na lista para início dos trabalhos ainda neste ano e no início de 2021.

De acordo com o secretário de Infraestrutura, Edilson Damião, a Seinf vai dar continuidade ao serviço nos próximos dois anos. “Este é um número bem expressivo de estradas vicinais recuperadas, inclusive, temos rodovias que há mais de 20 anos não recebiam qualquer serviço de manutenção, como a RR-207. A partir de 2021 esse trabalho vai continuar, pois o governador Antonio Denarium é bem determinante em relação a isso”, assegurou.

Os serviços são executados por meio de contratação de patrulhas mecanizadas para raspagem, retirada de atolamentos, desentupimento de bueiros e também de maquinários para realizar outros serviços mais específicos. Os que têm maior quantidade de vicinais atendidas são Cantá com 229 km, Amajarí com 225 km e Uiramutã com 185 km.

Todos os municípios estão sendo atendidos e o Governo está priorizando as estradas em estado mais crítico de trafegabilidade, como a vicinal 34 de Caroebe que não recebia nenhum tipo de manutenção há cerca de 20 anos. A vicinal é uma das principais vias de escoamento da maior região produtora de banana do Estado.

Maior projeto de asfaltamento de estradas de Roraima

O Governo também investe em novas estradas asfaltadas. No final de outubro foi lançado o maior projeto de asfaltamento e recuperação de estradas de Roraima, onde o governador Antonio Denarium anunciou asfalto em nove estradas do interior. O projeto foi iniciado com a ordem de serviço para o asfaltamento da RR-342 que liga Boa Vista à Vila do Taiano.

Também foi assinada a ordem de serviço para a recuperação de 104 km da RR-203, que dá acesso à vila do Tepequém em Amajarí. Além disso, o Governo do Estado em parceria com o Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) está recuperando a BR-174 e construindo acostamento em toda rodovia.

Mais de 2 mil metros de pontes recuperadas

Investimentos também estão sendo feitos nas pontes, promovendo a mobilidade no interior. São mais de dois mil metros de pontes entre as que já receberam e as que estão recebendo os serviços de reforma ou reconstrução. Até o final deste ano serão mais de 130 pontes recuperadas ou reconstruídas em todos os municípios. O município com maior número é o Cantá, que recebeu o serviço em 36 pontes, seguido de Mucajaí com 21.

A Seinf também trabalha na substituição de pontes de madeira por concreto, proporcionando mais segurança no tráfego. Atualmente, cinco estão em obra na RR-325, estrada que liga Mucajaí a Alto Alegre e outras três serão substituídas na RR-206, sobre os igarapés Sucuriju e Alto Arraia que dão acesso à vila São Francisco em Bonfim, e mais uma será feita na RR-205 também no município de Alto Alegre.

ROSI MARTINS

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA